Seja a sua âncora

Escrito por: Fernanda Weber // 26 de janeiro de 2016

Um dia desses vi um vídeo lindo com depoimentos de pessoas que assumiram seus cabelos cacheados/crespos e fiquei super emocionada, não só porque eu também passei por esse processo e sei como é libertador passar por isso, mas também porque parei pra pensar o quanto é desafiador tomarmos algumas atitudes e nos firmarmos diante das consequências que elas nos proporcionam.

Usar meu cabelo natural não foi uma decisão superficial. Mexeu com meus conceitos sobre beleza, com minha visão a respeito dos outros, com a minha auto estima, auto confiança e com vários outros valores que já estavam fixados em mim. Não troquei apenas o secador e a chapinha pelo pente de dentes largos e o creme de pentear; eu conquistei minha liberdade, encarei de frente quem eu era e as questões que eu realmente acreditava.

Assim que eu decidi parar de alisar meu cabelo, meus pais me deram todo o apoio do mundo e isso foi incrível. É maravilhoso ter pessoas que nos ajudem e que estejam ali pra nos apoiar, puxar a orelha e nos motivar, mas em algum momento da sua vida, você vai perceber que está só e não digo isso da forma mais fria e cruel da interpretação. Digo isso na forma literal: casa vazia, ninguém pra conversar e o ambiente tomado por silêncio. Neste momento vai perceber que você é o seu porto seguro, que a vida dos seus sonhos está guardada com você e que não há ninguém no mundo que possa preencher o vazio interno que chama pela sua presença.

O auto conhecimento é um trabalho minucioso que demanda paciência e cuidado e já falamos disso por aqui. Cada um tem suas batalhas internas, seus infernos astrais e os pontos que te tiram do eixo. Mas a questão aqui é lembrar o quão importante é você acreditar em si mesma, apostar nas suas ideias e deixar claro que você deve contar consigo mesmo, acreditar no seu potencial, ser sua própria âncora na maré alta e confiar que pode passar pelos momentos difíceis sem surtar.

Você pode fazer o que quiser. Você é capaz de realizar seus sonhos. Você tem coisas pra oferecer ao mundo que ninguém mais pode oferecer. Tem talentos latentes no fundo do seu coração que pedem pra conquistar o mundo. Você é incrível e independente das situações que passe ou das dores que aflijam seu coração, você é único(a) e nada pode mudar isso, não se esqueça.

Eu sou a Fernanda Weber e tô aqui no Além da Escrita e lá no meu blog, falando sobre comportamento, auto estima, confiança e uma porção de coisas legais. Me conta aqui nos comentários, quais momentos você percebeu que precisava ser sua própria âncora? Vamos papear! ♥

Comente com o Facebook:

13 comentários:

  1. Precisava desse post.

    http://alinesecretplace.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Esse post mexeu comigo haha!
    Tenho cabelos crespos. E faço chapinha sempre.
    Eu não saio de cabelo cacheado, mas não porque eu não acho bonito.
    Todo mundo me critica porque acha que é isso, mas é porque meu cabelo passou de cacheado pra palhoso e sem com cachos feios, secos. Eu fiz tanta progressiva e pintei tanto que estragou meu cabelo, e não tem como voltar atrás, me arrependo muito por tudo que fiz ao meu cabelo. Adorei o post, beijos.

    http://tri-vial.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vicca, se você tiver vontade de voltar a usar seu cabelo cacheado, você pode tentar! Existem vários blogs e grupos que ajudam quanto a isso, se você tiver interesse, pode me procurar que ajudo no que puder!!!
      Mas se a sua vontade também não for essa, tenta focar em si mesma e não na opinião dos outros, afinal, sempre vai ter alguém pra falar alguma coisa, sabe?
      E que bom que o post foi bom pra ti de alguma forma ♥

      Excluir
  3. acho lindo cabelos cacheados e não entendo por que as meninas não se assumem, é tão mais lindo?
    beijos
    http://entrevereviver.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ah, Carol, é complicado, porque o cabelo cacheado tem sido incentivado recentemente e ainda assim com muitas restrições, então quem não tem cabelo liso, acaba sofrendo ainda com alguns comentários ou influências (até indiretas).
      Mas nada que não possa ser mudado e estamos aí justamente pra isso! ♥

      Excluir
  4. Nossa adorei o post, ele caiu de para quedas diretamente no alvo da minha cabeleira. Estou naquela de deixar ou não o cabelo natural. Eu fiz progressiva com meus 12 anos de idade...(isso já faz um tempo), hoje com meus 21 meus pensamentos mudaram muito, e quando digo MUITO! Saiba que é um bocado kkkkk
    Gostaria muito do meu cabelo natural mas tenho dúvidas porque já tanto tempo com meu cabelo "solto de prancha" kkk que tenho receio pela praticidade. Lembro quando eu era criança o quanto ele dava trabalho, principalmente para minha mãe. Para ser honesta acho lindo cabelo cacheado. Eu queria uma mágica de dormir e acordar com o cabelo como era antes (natural).
    Esses sonho de "cabelo natural" vem desde que comecei em acreditar mais em mim depois de lutar contra meu maior inimigo: meus próprios pensamentos negativos. Passei por uma síndrome do pânico, uma fase que tudo é incerto até sua própria existência. Na época pensei que nunca iria passar e eu era a exceção, mas eu digo uma coisa que é certa: o tempo cura tudo! E essa de você se assumir e acreditar em sua capacidade é bem verdade Fernanda Weber, você se sente melhor consigo e com os outros e de uma maneira inesplicável sua vida toma outros rumos ainda melhores que tinha planejado. Como sou católica finalizo com essa frase (que você conhece!): "Deus escreve certo por linhas tortas".

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Valeska! Em primeiro lugar quero agradecer pelo comentário lindo ♥
      Em segundo, quero te dizer que: eu sei como você se sente. Eu pensei muito nisso antes de voltar a usar o meu cabelo natural. Só que eu passava cerca de duas horas pra fazer uma escova e mais uma hora pra passar a chapinha. Sendo que no outro dia o cabelo já num tava a mesma coisa, sabe? Hoje em dia, eu faço uma fitagem e meu cabelo fica SUPER definido em menos de meia hora.
      Se você estiver disposta a passar por essa mudança, eu te encorajo!!! E sempre que precisar conversar sobre, pode me procurar, ok?
      Acredite em si mesma e no quão incrível você é. Tudo vai dar certo. ♥

      Excluir
  5. Tomar coragem para a mudança e enfrentar além dos outros a si mesma, sua escrita é ótima e eu adorei o texto!
    Beijão
    www.noarmariodaboneca.blogspot.com

    ResponderExcluir
  6. eita lindeza de post ♥

    mesmo pra que já consegue visualizar esse processo com uma maior facilidade, é sempre bom relembrar que somos nosso porto seguro :)

    ResponderExcluir
  7. Gente, amei seu texto me identifiquei bastante. A transição capilar mudou minha visão de muita coisa principalmente em relação a autoestima e feminismo.

    http://garotadosuburbio.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

Opine sobre o post ou deixe algum recado pra gente. Sinta-se a vontade para sugerir ideias e críticas construtivas, nós sempre lemos a opinião de nossos leitores. :))

 
Design: Yasmin Carvalho. Programação: Yasmin Carvalho e Carol Mascarenhas
Além da Escrita 2012 - 2015. Todos os direitos reservados. Tecnologia do Blogger